Sideral Mídia, esse portal é um espetáculo

Noticias

A Rádio

Agenda

Entretenimento

Serviços









Arcevo de Artistas

Release de Artistas - A Siderall Mídia traz para você um dos maiores acervos da internet sobre a história de diversas bandas e ritmos da cultura Brasileira.

Para visualizar os textos escolha uma categoria abaixo

Forró EletrônicoForró Eletrônico

Forró é uma festa popular brasileira, de origem nordestina e é a dança praticada nessas festas, conhecida também por arrasta-pé, bate-chinela, fobó, forrobodó. No forró, vários ritmos musicais daquela região, como baião, a quadrilha, o xaxado, que tem influências holandesas e o xote, que veio de Portugal, são tocados, tradicionalmente, por trios, compostos de um sanfoneiro (tocador de acordeão—que no forró é tradicionalmente a sanfona de oito baixos), um zabumbeiro e um tocador de triângulo.

AxéAxé

O Axé é um gênero musical surgido no estado da Bahia na década de 1980, durante as manifestações populares do carnaval de Salvador,que mistura Frevo pernambucano, forró, Maracatu, Reggae e Calipso, que é derivado do Reggae. A palavra "axé" é uma saudação religiosa usada no candomblé e na umbanda, que significa energia positiva. Expressão corrente no circuito musical soteropolitano, ela foi anexada à palavra da língua inglesa music pelo jornalista Hagamenon Brito para formar um termo que designaria pejorativamente aquela música dançante com aspirações internacionais.

Forró TradicionalForró Tradicional

Os bailes populares eram conhecidos em Pernambuco por "forrobodó" ou "forrobodança" (nomes dos quais deriva "forró") já em fins do século XIX. O forró tornou-se um fenômeno pop em princípios da década de 1950. Em 1949, Luiz Gonzaga gravou "Forró de Mané Vito", de sua autoria em parceria com Zé Dantas e em 1958, "Forró no escuro". No entanto, o forró popularizou-se em todo o Brasil com a intensa imigração dos nordestinos para outras regiões do país, especialmente, para as capitais: Brasília, Rio de Janeiro e São Paulo.

Sertanejo UniversitárioSertanejo Universitário

Sertanejo Universitário é um movimento da música sertaneja que resgata elementos da música sertaneja de raiz. Arranjos com predominância de instrumentos acústicos, resgate do acordeon, letras que se aproximam mais da realidade da população que vive nas cidades do interior e no campo são algumas das características do sertanejo universitário. Estas características acabaram por agradar ao público mais jovem e apreciador da música sertaneja sendo por isso chamado de sertanejo universitário, assim como aconteceu com o forró universitário.